Lilypie - Memorial

Lilypie - Kids Birthday

...

quarta-feira, abril 19, 2006

Relato das últimas duas noites...

Estas últimas duas noites foram terríveis... Agora deu-lhe para chorar desalmadamente, aquele choro que até ficam a soluçar dos nervos. Isto tudo porque a mãe resolveu insistir com o biberão. Na segunda feira a noite acabou às 4h da matina (e eu que só tinha conseguido adormecer já passava da 1.30h ), acorda dou-lhe maminha ele largou a maminha e adormece mas não para de se mexer de um lado para o outro, trago-o para a minha cama para ver se conseguia dormir alguma coisa. Às 5h da manhã resolvo ir fazer-lhe um biberão de NAN2 premium (aconselhado pela pediatra do Alexandre por ser mais docinho e agora tb pela Rita (obrigada pelo conselho)) bem... desata num berreiro de acordar a Figueira inteira e não havia maneira de o acalmar, só queria peito peito, eu bem lhe dava mas pouco saía (1h depois de ter mamado ainda não tinha lá muita reserva de leite) ele quase adormecia e eu nova tentativa de biberão e ele novo berreiro daqueles com soluços e lágrimas de molhar o lençol. Acabámos os dois a chorar ele porque queria mamar no peito e eu cheia de pena e desgosto de não ter leitinho suficiente na mamoca para o meu filho. Lá o consegui acalmar e tentei ir para a brincadeira com ele. Com ele bem calminho fomos à cozinha e com o leite que lhe tinha feito preparei uma papinha que ele comeu quase toda (150ml de papa) levei-o novamente para a cama e adormeceu ao meu colo. Deitei-o ao meu lado e ficámos encostadinhos o resto da madrugada. escusado será dizer que com estes nervos todos já não consegui pregar olho...
Na noite passada às 23h dei-lhe mama e consegui (a muito custo e com algum choro) que ele bebesse 120ml daqueles cereais prontos a beber da Cerelac. Pensei.... se ele acordou ontem às 4h da manhã, hoje com mama e biberão vai dormir até às 6-7h da matina... wrong! às 2h da manhã lá está ele a pedir mama, seguindo o conselho da pediatra dou-lhe em primeiro lugar o biberão, chora, chupeta, biberão, chora... que se lixe, mama, quase que adormece enfio-lhe o biberão, chora, choro eu de desespero, o papá pega no Alexandre ao colo e leva-o para o outro quarto e fica com ele até às 7h da manhã, obrigada M. estava mesmo a precisar de descansar. Não mamou, eu ouvi-o a noite toda a choramingar e sentia o M. a tentar dar-lhe o biberão e ele a recusar-se. Dei-lhe mama às 7h da manhã. Não quis mais mamar até à hora do almoço. Há que ter paciência... Custa-me muito esta situação...
Enviar um comentário