...

segunda-feira, abril 21, 2014

e...

... 2 meses passados ainda tenho diálogos destes:

 - Então já nasceu?
- Sim, já...
- Parabéns!!! E o que é que tiveste? menina ou menino? correu tudo bem?
- Ela faleceu...


Mas haverá ainda gente que me conhece e que me vê quase todos os dias que ainda não saiba?! Que tortura!!

Hoje vi uma bebé da idade que a minha teria... aqueles 5 minutos em que estivemos lado a lado foram angustiantes para mim porque olhava para ela e imaginava a minha filha... tive que respirar fundo e colocar a minha melhor máscara para não desatar a chorar... aguentei-me até ao carro... que merda!



4 comentários:

Ana e Kiko disse...

Eu perdi a minha bebé com quase 13 sem, mas já mt gente sabia que estava grávida e algumas que não sabem o que passou perguntam como está a correr a gravidez, são momentos angustiantes que se recorda tudo :(
bj grs

Anónimo disse...

:(((
Força, querida.
um gde beijinho
Nina

Rosa Carioca disse...

É terrível!
Mas não coloque máscaras. Viva cada sentimento com toda a intensidade.
Permita-se sentir raiva, revolta, tristeza, dor, desilusão, tudo!
Só assim, fará o seu luto.
(Falo por experiência própria pois foi um bom conselho que recebi da psicóloga da Maternidade Alfredo da Costa, há 10 anos atrás.)

Kátia disse...

Sinta tudo o que tiver que sentir,não guarda nada e continua amando muito a sua pequena Júlia.